Joao Ledo Fonseca

joaoledofonseca2

Natural (n. 1962) de Espinho, Portugal, frequentou (1980-1986) a Licenciatura em Electrónica e Telecomunicações, na Universidade de Aveiro, onde desenvolveu projectos na área do processamento digital de voz (projecto de hardware e software assembly, com sistemas de desenvolvimento de PDS baseados em Intel TMS32010) e no processamento gráfico (software em C para interpolação e renderização de superfícies 3D, usando funções de Bézie e B-Splines), entre outros.

Trabalhou inicialmente (1987-1989) como Director dos Serviços de Assistência Técnica (Norte) e de suporte informáticos (SGO Informática Lda) a mini e microcomputadores (ZDS – Zenith Data Systems) e redes (Novell). No âmbito do grupo SGO, para o LED – Laboratório de Electrónica Digital, efectuou projecto de sistemas de digital signage e distribuição de vídeo (para a Bolsa de Valores do Porto), e para manutenção de displays digitais exteriores de grande dimensão (Jornal de Notícias e DMI – Diagnóstico Médico Integrado).

Como empresário, lançou e participou em projecto na área da micro informática (Inforesp – Soc. Informática de Espinho Lda) (1989-1994), onde exerceu funções de director técnico, apoio e suporte informático (hardware, software e redes), e ainda como analista/programador (Clipper, C e C++, FoxPro) em aplicações de gestão (Gestão de Videoclubes, Vendas e facturação, Contabilidade não organizada, etc.).

Desenvolveu depois a sua actividade como gestor de projectos, consultor aplicacional e de implementação e ainda como analista, em software houses nacionais e internacionais, principalmente nas áreas de ERP’s para a industria (Softel GAF/GCI, Symix, Frontstep’s Syteline), planeamento e agendamento de produção (Preactor Intl), CRM (Frontstep CRM), Business Intelligence (Syteline/Cognus), Report Generators (Cristal Reports, Cognus), Data Collection (Frontstep, Intermec), especializando-se na área do planeamento e gestão de produção (MRP/MRP II/JIT/Kanban/APS), agendamento industrial (MRP II/JIT/Kanban/APS), contabilidade de custos de produção, aprovisionamento, vendas e logística.

Neste âmbito, desenvolveu ainda actividade como administrador de sistemas (Windows/NT, Unix’s – AIX, HP-UX, DG/UX, BSD, ULTRIX, SOLARIS, UNIXWARE – e Linux’s – GNU, RedHat, Fedora, SuSe, SlackWare, Debian e Unbuntu), de rede (Cablagens estruturadas, TCP/IP, modelo OSI) e arquitecto e administrador de bases de dados relacionais (Informix, MS-SQL Server, Progress e MySQL). Como analista/programador, especializou-se em Informix 4GL e desenvolveu também actividade em Progress 4GL.

Na Softel S.A. (1995-1997) foi também representante Técnico-Comercial para o Brasil, sendo responsável pela criação do escritório/sucursal da empresa em São Paulo (SP, Brasil, 1995), pelo apoio como analista a projectos em curso (Grupo Sulfabril, Levis Brasil S.A., Grupo Vulcabrás), pela apresentação técnico-comercial da aplicação ERP Softel GAF/GCI, bem como o diagnóstico e levantamento de requisitos em grandes empresas brasileiras (Grupo Scalina, Grupo Sadia, Pepsico Brasil, grupo Votorantim, grupo Klin, Grupo Brunn Texteis,  entre muitos outros). Representou a softel em Missões Empresariais  oficiais do ICEP ao Brasil (nos anos de 1995/96, em Fortaleza, Recife, São Luis do Maranhão, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília).

Naquela empresa e na MVI – Informática Lda (1997-1999) foi consultor aplicacional, analista e gestor de projectos ERP em grandes empresas portuguesas (Grupo Tabaqueira, Grupo Nutrinveste/Compal, Lacticoop, Grupo Salmon, Grupo Amorim e OSI, FTM – Fábrica de Tabacos Micaelense, Cimentos Madeira S.A., Organtex S.A., Grupo Growela, Ten – Transito e Navegação e têxteis Pesafil, Melibri, Cavidel, Heavy Jeans, Arco Texteis e Arcofio (entre muitas outras) e na elaboração de diagnósticos, levantamento de requisitos, apresentações e propostas tecnico-comerciais (em empresas como Fisipe S.A., Grupo Manuel Gonçalves, Juvenal Ferreira da Silva S.A., BA – Fabrica de vidros Barbosa & Almeida SA, TEBE Empresa Textil de Barcelos ou Impetus, S.A., entre outros).

Convidado a integrar a Symix España y Portugal S.A. (1999-2002), foi responsável de projectos em empresas industriais em Portugal (Grupo Tupai, Grupo DVA, Porteme S.A., PAMEL Paulo Mendes S.A.) e em Espanha (Aljo S.A. – Grupo OTIS , Peddinghaus S.A., Reivaj – Mototracion Electrica Latierro – Grupo OTIS, Talleres Feudo) entre outros.

Posteriormente exerceu a actividade de gestor de projectos em empresas de Digital Signage/InStoreTV/CorporateTV (Visualizar S.A.) (2003-2005), sendo gestor de projectos de inStore TV (grupo SONAE Modelo/Continente, grupo Jerónimo Martins – Pingo Doce), de Digital Signage (Casino da Póvoa, Comissão Vitivinícola da Região dos Vinhos Verdes, ATP-Associação dos Têxteis de Portugal).

Como empreendedor funda a Dreamfeel Lda (2008-2011), empresa que actuou no campo dos meios Interactivos para Marketing, Publicidade e Eventos bem como New Media, Interactive Media, Digital Media e Multimedia/Web, onde exerce a função de Director Técnico e de Operações, Gestor de projectos e Tecnólogo/criativo de conceitos .

Nestas empresas desenvolveu uma visão avançada, não convencional e fortemente criativa, da integração de tecnologias digitais e interactivas com o marketing, a publicidade, o design e a comunicação, na criação, concepção e engenharia de sistemas digitais inovadores, nomeadamente na elaboração do Projecto Expositivo de Multimédia Interactivo para o Novo Museu dos Coches (não implementado até à data), concepção e realização de eventos de comunicação, animação comercial e marketing interactivo para várias empresas comerciais do norte do País (Centros Comerciais Dolce Vita, Centros Comerciais SONAE Sierra, Sephora, INCUBO – Incubadora de Iniciativas Empresariais – Arcos de Valdevez, etc.). Geriu projectos e sub-projectos de comunicação (Decoração de veículos para Congresso do Partido Socialista, concepção e impressão digital para comunicação de sucursais das redes CGD, Millenium BCP e INCUBO – Incubadora de Iniciativas Empresariais – Arcos de Valdevez).

Na IT Sector S.A. (2010-2011) foi gestor de projectos e analista funcional para a banca, nos “Plataforma integrada de canais não presenciais” (internet banking, call center, IVR, SMS banking, etc.) na CGD – Caixa Geral de Depósitos (tecnologia HTML/CSS, Java, em “layered arquitecture”, com Midleware baseado em Web Services e Enterprise Service Bus – ESB) e front-end em Java, Hibernate e JBoss App server, sendo responsável pela análise de áreas aplicacionais como Backoffice Integrado (Web, SMS, CallCenter e IVR), e transaccionais, como Transferências Internacionais, Call Center Front End, Reporting,  com responsabilidade como Gestor de Projecto dos canais não presenciais para a CGD Luxemburgo, entre outras, e ainda como analista funcional para sistemas de internet banking no Millenium BCP (plataforma Microsoft, SQL-Server, SharePoint).

Exerceu depois a actividade de Consultor ERP e de IT’s, como freelancer (2011-2016), com apoio e suporte informático a PME’s, administração de sistemas e bases de dados e gestão de parque informático.

Como empresário, ao longo do tempo foi sócio, administrador, gerente e director da Inforesp – Sociedade Informática de Espinho  Lda. (Micro-informática e TI’s), MVI Lda. (software house na área dos ERP industrial, plataforma Informix/Unix/Linux) e Dreamfeel Lda (Web e Creative digital interactive media), nas quais rentabilizou também várias das suas capacidades técnicas.

Copywriter, autor e tradutor (inglês, espanhol) de documentação comercial e técnica (Manuais Técnicos, Manuais de Utilizador, Notas Técnicas, Notas de Aplicação, Notas de Suporte, Wiki) de software, para as aplicações ERP e de Planeamento, Gestão e Agendamento de Produção (Softel GAF/GCI, Symix/Syteline, Syteline CMS, Syteline Business Intelligence/Cognus, Syteline Data Collection, e production scheduler Preactor) bom como em produtos e equipamentos tecnológicos interactivos e multimedia.

Formador em TI’s, com Certificação de Aptidão Profissional Pedagógica (CAP), exerceu principalmente como conferencista em Telecomunicações (para Eugénio Branco e Associados – Porto), formador de utilizadores ERP (Softel S.A., MVI Lda, Symix España e Portugal Lda, Preactor Intl), e formação geral em informática, nomeadamente Sistemas Operativos CPM/86, MS-DOS, Linux/Unix e linguagens de programação C, BASIC e COBOL,  (para JAS – Informática – Espinho, Inforesp – Soc. Informática de Espinho Lda)  e bases de dados relacionais, 4GL e SQL Informix (Softel S.A., MVI)

A nível pessoal, cedo desenvolveu o gosto pelos pequenos computadores (tendo-se iniciado com o Sinclair ZX80 e ZX81, depois com o Sinclair Spectrum, e várias outras plataformas até aos actuais PC’s) e sua programação, (desde cedo com assembly Z80 e Intel 80XX, depois BASIC, PASCAL e mais tarde Turbo C, Turbo Pascal, Smaltalk, LISP e VB, e finalmente competências académicas com FORTRAN, MODULA – II, C e C++), bem como em sistemas operativos como CPM86, PC-DOS/MS-DOS, Linux e Unix; mais tarde desenvolve ainda profissionalmente competências em programação sobre bases de dados, com Clipper, Clipper+C e FoxPro, além de bases de dados Gupta, e posteriormente em bases de dados relacionais, em SQL e 4GL (Informix 4GL e Progress 4GL), além do uso de outras linguagens sobre bases de dados (conectores nativos, ODBC, etc), bem como interesse por HTML/CSS, PHP, Ruby, Pearl, Python e, finalmente, Processing (plataforma Arduino). Interessa-se por Arquitectura Aplicacional e de Systemas, bem como System Programming, sobre várias plataformas, nomeadamente sobre plataformas de desenvolvimento de micro controladores, Unix e Linux.

Tem actualmente forte interesse por projectos inovadores de IoT  (Internet das coisas) e de computação física, baseados em micro-controladores, nomeadamente nas plataformas de DIY e Make como Arduino, Raspberry PI e outras semelhantes, bem como nos ambientes Linux e na programação de sistema, em C e C++.

Foi amador de CB (Banda do Cidadão) na década de 1980 com a estação fixa Delfos – CQJ 9805 e radialista em rádios locais (e “piratas”), como a Rádio Espinho e Rádio Costa Verde, como técnico de emissão, produtor e editor (magazine “Jardim das Delicias” e programas “Meia hora de Jazz” e “Jazzando”), e ainda com apoio técnico e projectos de engenharia, entre outros, para antenas de emissão, estúdios de emissão e stack de emissão (limitadores, compressores, emissores de potência e antenas).

Dirigiu BBS´s (Bulletin Board Systems) nas décadas de 1980/90 (INFORLINE BBS).

Na vertente social foi vogal da direcção da Associação dos Bombeiros Voluntários Espinhenses e vogal e Vice-Presidente do GIU – Grupo de Intervenção Urbana (intervenção social e cultural).

É blogger desde 2005, nas áreas das tecnologias de informação, internet e digital media, com blogs próprios e participação em projectos colectivos.

Tem a música, especialmente o Jazz, como paixão e hobby, tendo formação em piano.

Actualmente desempregado!…

João Ledo Fonseca na net:

Resultado de imagem para mail joao.ledo.fonseca@gmail.com

Resultado de imagem para Facebook

twitter_logo

Resultado de imagem para linkedin

Imagem relacionada

Guardar

12 thoughts on “Joao Ledo Fonseca

  1. Thanks for the sensible critique. Me & my neighbor were just preparing to do a little research on this. We got a grab a book from our area library but I think I learned more clear from this post. I’m very glad to see such wonderful information being shared freely out there.

    Gostar

  2. Nice post. I learn something more challenging on different blogs everyday. It will always be stimulating to read content from other writers and practice a little something from their store. I’d prefer to use some with the content on my blog whether you don’t mind. Natually I’ll give you a link on your web blog. Thanks for sharing.

    Gostar

  3. boa tarde, será possivel me explicar onde ou quem posso contactar para saber valores e como se precessa o montra interactiva…obrigada desde já.Cássia Cabral+1
    +1

    Gostar

  4. boa tarde, será possivel me explicar onde ou quem posso contactar para saber valores e como se precessa o montra interactiva…obrigada desde já.Cássia Cabral
    +1

    Gostar

  5. boa tarde, será possivel me explicar onde ou quem posso contactar para saber valores e como se precessa o montra interactiva…obrigada desde já.
    Cássia Cabral

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s