Legible London é um novo projecto destinado a auxiliar os pedestres a percorrer a capital britânica.

Constituido por grafismos, mapas e mobiliário urbano, começou a ser testado na zona de Bond Street e já se espalhou por três àreas da cidade, em funcionamento piloto, sendo usado por locais e por turistas. Durante 2010 espalhar-se-á pelas restantes zonas de Londres, em parceria com autoridades e parceiros locais, num sistema coerente e omnipresente, capaz de levar qualquer visitante de qualquer ponto a qualquer outro ponto de Londres.  

Clareza, grafismo apelativo, informação e ergonomia são algumas das caracteristicas mais marcantes de sistema de informação, que aliás vem na tradição dos emblemáticos grafismos do metro de Londres.

Partindo de estudos efectuados já em 2006 (Legible London wayfinding study report – PDF 3.71MB) que concluiram sobre os beneficios das deslocações pedestres para a mobilidade em Londres e para o sistema de transportes públicos, e da necessidade de um sistema de informação coerente e universal capaz de criar uma base de confiança no pedestre, as recomendações que serviram de base ao sistema são claras: criação de um sistema de informação capaz de suportar os mecanismos de “mapa mental”, usado pelas pessoas, e um sistema uniforme e centralizado de mapas que possam usados quer em material urbano, quer em material impresso, constituindo um sistema coerente usável pelo pedestre.

O sistema criado baseia-se em vários conceitos interessantes, que passam por um conjunto de grafismos uniforme e claro, pela introdução de representações 3D de edificios marcantes, capazes de funcionarem como lanmarks ou importantes por serem destinos conhecidos, pelos conceitos de escalabilidade, baseado em orientações para atingir três niveis de destinos (Grandes Áreas da cidade, “Villages” – o equivalente a bairros ou freguesias nos nossos conceitos urbanos, mais portugueses – e Proximidade) e ainda por um mobiliário urbano específico, adaptado à função e fácilmente identificável, espalhado com um critério que permite a navegação à vista, sendo possivel de cada ponto de informação avistar os pontos seguintes e finalmente uma uniformidade e coerência total entre os grafismos usados no mobiliário urbano, nos mapas espalhados em MUPI’s e o material impresso, permitindo a fácil correspondência e planeamento de trajectos. 

 

No campo da ergonomia, especial atenção foi dada à inclusão de todos os grupos de população, incluindo aqueles que apresentam dificuldades especiais, nomeadamente com a cuidadosa colocação do mobiliário urbano, o seu design, inlcuindo a altura a que é colocada a informação, um conjunto de indicações sobre os pisos dos vários trajectos, a colocação de passadeiras e a indicação de eventuais barreiras.

Um projecto admirável de comunicação visual, fundamentado em estudos crediveis, muito longe do que se faz por cá.

Referências
Legible London
Legible London wayfinding study report – PDF 3.71MB
Legible London Yellow Book – PDF 3.39MB
http://en.wikipedia.org/wiki/Legible_London
Blogs
http://dalpestana.wordpress.com/2009/12/10/legible-london/
http://www.theurbancomposition.com/2008/12/legible-london.html
http://azulebanana.com/anabananasplit/2007/12/03/mental-mapping/
http://www.tfl.gov.uk/corporate/media/newscentre/13837.aspx