“At the Media Lab, the future is lived, not imagined. In a world where radical technology advances are taken for granted, we design technology for people to create a better future.”

É com esta frase que o Media Lab do MIT (Massachutts Institute of Technology) se apresenta. Construir o futuro vivendo-o é o que ali se faz: em vez de conceitos, realizações. E é disso que estácheio este optimo site, construido para ser a face de algo que é muito mais do que se pode imaginar.

Completamente centrado no design de tecnologias, o Media Lab reflecte uma postura de total empenhamento no desenvolvimento do futuro, através da investigação aplicada, do desenvolvimento dos conceitos em tecnologias e de realizar em engenharia o que de outro modo não passaria de ficção cientifica. Sempre com uma postura de abordagem prática das suas realizações, o Media Lab toca campos tão dicversos (e afinal tão próximos) como nano-tecnologia, interfaces de computação, investigação industrial ou visualização de dados para reinventar a experiencia humana com a tecnologia e como esta pode ajudar o ser humano.

Muita da investigação do grupo é realizada em grupos especializados e em consórcios patrocinados, em colaboração com outros departamentos do MIT e/ou com entidades externas e/ou privadas. Esta organização e os grupos de investigação existentes podem ser visitados na página Research. Muitos dos projectos e grupos aí presentes possuem site ou microsite próprio e é a partir daí que se descobre um mundo de ideias e investigações, alguns dos quais são absolutamente surpreendentes, como por exemplo o “Center for Future Civic Media” ou o consorcio “Digital Life” 

Mas grupos de investigação como “Viral Communications“, “Society of Mind“,  “Affective Computing” e tantos outros presentes na lista, são sede de investigações absolutamente fascinantes, e que na prática resultam em saltos qualitativos na experiencia tecnológica humana.

Um site para explorar com tempo e com muita atenção. O futuro está áli, basta compreendermos isso.