O conceito dos dispositivos multitouch foi criado há já alguns anos. Quando falamos da sua origem, certamente que muitos pensam na apresentação que a Microsoft fez há dois anos atrás…

A apresentação do Microsoft Surface pode ser vista aqui: Microsoft Surface e este é o site oficial

Mas a origem do conceito, a tecnologia e o desenvolvimento de software nada tem a ver com a Microsoft. Um dos gurus do conceito, e que mais profundamente trabalhou nele foi Jeff Han, da NYU (New York University) e o grupo de investigação académica Multi-Touch Interaction Research.

 

 

Veja a biografia de Jeff Han na Wikipedia, ou aqui TED Ideas Worth Spreading. Hoje Jeff Han dirige uma empresa que explora este conceito, a Perceptive Pixel.

Uma vez que muitas das investigações iniciais de Jeff Han foram sendo tornadas públicas, muita gente se interessou pelo projecto e formaram-se comunidades que foram desenvolvendo o multitouch em ambiente de open source e aplicações sob licenças do tipo GNU licence.

Mas os conceitos iniciais de interfaces multitouch já vinham sendo desenvolvidos há mais tempo, nomeadamente pelas tentativas de implementação de sistemas touchscreen, em várias empresas, e teorizados gente como Bill Buxton, expecialista de interfaces homem-máquina da Universidade de Toronto,  que trabalhou, entre outras, na Silicon Graphics, empresa especializada em estações gráficas, entretanto incorporada pela Autodesk (produtora do Autocad e do Studio Max 3D). Bill Buxton, como um dos principais tecnólogos nesta àrea, criou e incorporou vários grupos de pesquisa e desenvolvimento de interfaces homem-máquina, nomeadamente no tecnologia multitouch, e foi desenvolvendo os seus trabalhos teóricos nas várias instituições onde trabalhou, constituindo estes o mais importante corpo teórico e técnico para esta disciplina. (Mais sobre Bill Buxton, brevemente…)

NUI logoEstes projectos, nomeadamente os de Jeff Han) amadurecidos ao longo do tempo deram inclusivamente origem a comunidades de desenvolvimento, organizações e empresas bem sucedidas, que ainda hoje trabalham numa base de open source (por exemplo o NUI group, a Natural User Interface ou o caso da agencia Natural Interaction, que colaborou com o NUI group) .

Hoje muitas empresas desenvolvem aplicações e equipamentos multitouch, seja em ambiente experimental, seja em projectos comerciais.

O mais interessante é uma enorme corrente de DIY (Do It Yourself), que gerou várias comunidades interessantissimas de investigação e desenvolvimento. Uma deslas está reunida em volta do NUI Group, mas outras comunidades organizadas existem, umas com outras sem fins lucrativos, como a  MTC-MultiTouchConsole ou a Ideum que é um misto de empresa comercial e grupo de investigadores.

por ultimo convém seguir os desenvolvimentos do Windows 7.0 uma vez que inclui suporte para multitouch, de origem, se bem que se preveja que seja apenas para dispositivos sleccionados, nomeadamente para SmartPhones e PDA´s, pelo menos numa fase inicial.

Para projectos DIY veja:
http://www.engadget.com/2007/06/29/diy-multitouch-table-explained-step-by-step/
http://hackaday.com/2008/05/20/multitouch-project-roundup/
instructables com o search “multitouch”

Outras referências:
NUI group
NUI Group Forum
Wiki do Nui Group
TED Ideas Worth Spreading
Multi-Touch Interaction Research
Microsoft Surface presentation demo
Microsoft Surface – oficial Site